HOME

3 de novembro de 2017

#RESENHA - Coluna de Fogo por Ken Follett


Título: #3 Coluna de Fogo
Autora: Ken Follett
Editora: Arqueiro
Saga: Os Pilares da Terra
Páginas: 816
Idioma: Português
Ano de Lançamento: 2017
Gênero: Ficção
Skoob || Goodreads


Livro cedido em parceria com a editora

Compre aqui: Amazon | Saraiva

SINOPSE: A continuação da saga que fascinou milhões de leitores em Os pilares da Terra e Mundo sem fim.
Em 1558, as pedras ancestrais da Catedral de Kingsbridge testemunham o conflito religioso que dilacera a cidade. Enquanto católicos e protestantes lutam pelo poder, a única coisa que Ned Willard deseja é se casar com Margery Fitzgerald. No entanto, quando os dois se veem em lados opostos do conflito, Ned escolhe servir à princesa Elizabeth da Inglaterra.
Assim que Elizabeth ascende ao trono, a Europa inteira se volta contra a Inglaterra e se multiplicam complôs de assassinato, planos de rebelião e tentativas de invasão. Astuta e decidida, a jovem soberana monta o primeiro serviço secreto do país, para descobrir as ameaças com a maior antecedência possível.
Ao longo das turbulentas décadas seguintes, o amor de Ned e Margery não arrefece, mas parece cada vez mais fadado ao fracasso. Enquanto isso, o extremismo religioso cresce, gerando uma onda de violência que se alastra de Edimburgo a Genebra. Protegida por um pequeno e dedicado grupo de talentosos espiões e corajosos agentes secretos, Elizabeth tenta se manter no trono e continuar fiel a seus princípios.
Coluna de fogo é um dos livros mais emocionantes e ambiciosos de Ken Follett, uma história de espiões ambientada no século XVI que vai encantar seus fãs de longa data e servir como o ponto de partida perfeito para quem ainda não conhece seu trabalho.

Ken Follet conseguiu me conquistar em ‘Os Pilares da terra’, e este amor só cresceu com este livro. Não podia esperar menos de um autor que já vendeu mais de 150 milhões de cópias.

Neste livro, o autor retorna aos tempos medievais onde a Rainha da Inglaterra Elizabeth reinava, para criar um romance e abordar fatos históricos do século XVI da própria Inglaterra, Espanha, França e Holanda. Em um século que os católicos e protestantes lutam para defender os seus ideais, onde é permitido matar em nome de ‘Deus’, onde a disputa de poder faz o homem perder a sua humanidade, Follet nos intriga apresentando uma saga história inesquecível.

A saga contém três livros, todos 'vividos' em Kingsbridge: Os Pilares da Terra, Mundo Sem Fim e agora Coluna de Fogo.  Apesar de fazer parte da 'saga', cada livro pode ser lido individualmente. O enredo de cada livro não é bem uma continuação, não obrigatoriamente dos personagens, e sim da linha do tempo.
O livro começa na guerra histórica entre católicos e protestantes, mais precisamente na Inglaterra. Ned Willard filho de uma comerciante de Kingsbridge, apaixonado por Margery Fitzgerald, começa a servir a princesa Elizabeth. Ambos são apaixonados, porém ficar juntos não é possível, já que a família de Margery pretende usar o seu casamento para entrar para nobreza e acumular mais poder.

Após Elizabeth assumir o trono, e decretar o seu país livre das influências católicas se declarando protestante, Ned efetivamente começa a fazer parte de um serviço secreto cujo único propósito é defender a rainha. Follet não chega a explorar muito o começo do serviço secreto e suas tramas. Achei que alguns momentos poderiam ser mais aprofundados já que uma das grandes promessas do livro era isso.

No final, a guerra entre Elizabeth e Catarine de Medici (Rainha da França) – as duas ‘heroínas’ custou muito a ambos os países. Cada uma lutando em busca do poder e em defesa de sua própria crença, e usando a tolerância para justificar o sangue nas mãos. Quem estudou historicamente os personagens sabe que Catarine era considera uma manipuladora e Elizabeth não era muito diferente.

A intolerância religiosa ainda é um tema muito atual, pois estamos falando de ações muito sanguinárias cometidas em nome da religião, onde você não ter a mesma fé ou crença de seu opressor, é infelizmente, até hoje, sentença de morte em alguns países.

O livro não cumpre todas as promessas que ele fez em 2014, por isso tirei uma uma estrela, mas ainda assim é digno de leitura. Follet tem um jeito de nos prender e se envolver com os personagens, em um livro cheio de romance, intrigas, espionagens e assassinatos. 

Comente com o Facebook:

Um comentário :

  1. Nunca li nada do autor, não faz muito o meu género, mas parecem-se ser leituras interessantes! Boa resenha =)

    MRS. MARGOT

    ResponderExcluir

Assine a Newsletter

LINK ME!

Literatura Estrangeira

Mais Recentes

Literatura Estrangeira - Copyright © 2016 - Todos os Direitos Reservados