HOME

11 de dezembro de 2017

#RESENHA - Uma Constelação de Fenômenos Vitais por Anthony Marra

Título: Uma Constelação de Fenômenos Vitais
Autor: Anthony Marra
Editora: Intrínseca
Páginas: 336
Idioma: Português
Ano de Lançamento: 2014
Gênero: Ficção História/Guerra
Skoob || Goodreads


Compre aqui: Amazon | Submarino

SINOPSE: Ao ver sua casa pegando fogo, após seu pai ser levado por soldados russos, Havaa, de 8 anos, se esconde na floresta e observa as chamas até que um vizinho a encontra sentada na neve. Akhmed sabe que se envolver significa arriscar a própria vida e que não há lugar seguro para abrigar uma criança na vila, onde informantes fazem qualquer coisa por um pedaço de pão. Mesmo assim, ele a conduz até o único lugar em que acredita que a menina poderia estar a salvo: um hospital abandonado que já teve quinhentos funcionários e onde a única médica restante, Sonja, está no degrau mais baixo de sua carreira, amputando membros dilacerados em pacientes atingidos por minas terrestres.
Também médico, Akhmed é pouco competente, mas bem-intencionado, e seus conhecimentos, embora precários, são rapidamente requisitados: ele logo aprende a serrar pernas atingidas por estilhaços de bombas. Apesar dos protestos de Sonja de que o hospital não é um orfanato, Akhmed consegue convencê-la a manter Havaa escondida ali.
Nesse cenário de guerras, ocupações e insurgências que arruinaram a Chechênia desde a década de 1990, a confiança entre Akhmed e Sonja desenvolve-se lentamente, com Havaa funcionando como ponte. As histórias de perda dos dois médicos farão com que eles se apeguem à menina com uma ansiedade cega.
Um livro de trama surpreendente, que equilibra momentos de violência e extrema delicadeza, experiências traumáticas e lembranças felizes, Uma Constelação de Fenômenos Vitais é uma história comovente sobre amor e sobrevivência.


Pouco se é relatado em livros guerras que não a Primeira e Segunda Guerra Mundial. Em Uma Constelação de Fenômenos Vitais o foco está na primeira e segunda guerra na Chechênia (1994 e 1999 respectivamente) descritas de forma muito verdadeira e delicada, onde a crueldade e a fome é uma realidade muito presente na história. 

O livro é narrado em terceira pessoa em uma linha do tempo que vai desde 1994 à 2004. Logo no começo conhecemos uma menininha chamada Havaa, de oito anos, que ao ver a casa pegando fogo, corre para a floresta. Seu vizinho Akhmed, comovido com a situação e ciente de que seu envolvimento poderá lhe custar muito, acaba levando a menina para o hospital abandonado na cidade convencido de que é o único lugar onde ela estará a salvo. Sonja, a única médica do hospital, relutantemente aceita Havaa.

8 de dezembro de 2017

#RESENHA - Origem por Dan Brown

Título: Origem
Autor: Dan Brown
Série: #5 Robert Langdon
Editora: Arqueiro
Páginas: 432
Idioma: Português
Ano de Lançamento: 2017
Gênero: Ficção/Suspense e Mistério
Skoob || Goodreads


Livro cedido em parceria pela editora

Compre aqui: Amazon | Submarino

SINOPSE: De onde viemos? Para onde vamos?
Robert Langdon, o famoso professor de Simbologia de Harvard, chega ao ultramoderno Museu Guggenheim de Bilbao para assistir a uma apresentação sobre uma grande descoberta que promete "mudar para sempre o papel da ciência".
O anfitrião da noite é o futurólogo bilionário Edmond Kirsch, de 40 anos, que se tornou conhecido mundialmente por suas previsões audaciosas e invenções de alta tecnologia. Um dos primeiros alunos de Langdon em Harvard, há 20 anos, agora ele está prestes a revelar uma incrível revolução no conhecimento... algo que vai responder a duas perguntas fundamentais da existência humana.
Os convidados ficam hipnotizados pela apresentação, mas Langdon logo percebe que ela será muito mais controversa do que poderia imaginar. De repente, a noite meticulosamente orquestrada se transforma em um caos, e a preciosa descoberta de Kirsch corre o risco de ser perdida para sempre.
Diante de uma ameaça iminente, Langdon tenta uma fuga desesperada de Bilbao ao lado de Ambra Vidal, a elegante diretora do museu que trabalhou na montagem do evento. Juntos seguem para Barcelona à procura de uma senha que ajudará a desvendar o segredo de Edmond Kirsch.
Em meio a fatos históricos ocultos e extremismo religioso, Robert e Ambra precisam escapar de um inimigo atormentado cujo poder de saber tudo parece emanar do Palácio Real da Espanha. Alguém que não hesitará diante de nada para silenciar o futurólogo.
Numa jornada marcada por obras de arte moderna e símbolos enigmáticos, os dois encontram pistas que vão deixá-los cara a cara com a chocante revelação de Kirsch... e com a verdade espantosa que ignoramos durante tanto tempo.


Origem é o quinto livro da série Robert Langdon, mas é possível ler fora de ordem, já que cada livro tem seu próprio final - a única coisa em comum entre eles é o protagonista Robert.  

A história possui um tema que interessa a quase todos: a resposta de de onde viemos e para onde vamos. Logo no começo somos apresentados a Edmond Kirsch, um futurólogo que alega ter descoberto essas respostas. Ele então convida algumas pessoas importantes até o Museu Guggenheim e faz uma transmissão ao vivo para revelar suas descobertas. 

Uma dessas pessoas convidadas é Robert Langdon, que foi professor e muito amigo de Edmond. Porém, momentos antes da relevação, ela é interrompida abruptamente e o mistério corre o risco de continuar sendo isso, apenas um mistério, para sempre. A partir daí Robert inicia uma luta contra o tempo para que a apresentação prossiga e que o mundo todo, inclusive ele, tenha a resposta desse enigma.

6 de dezembro de 2017

Triângulos Amorosos | Eu adoro e você?


Oi gente. Hoje vim falar sobre Triângulo Amoroso na literatura. Sei que tem gente que odeia, mas faço parte do grupo que adora um drama a mais que só os triângulos podem oferecer! Separei os livros que eu li e fiz uma lista do que me disseram que tem triângulo (existem boatos, rs). Então bora conferir?


History is All you Left me por Adam Silvera - Hoo Editora


Quando o primeiro amor e ex-namorado de Griffin, Theo, morre afogado em um acidente, seu universo implode. Embora Theo tivesse se mudado para a Califórnia para cursar a faculdade e começado a namorar Jackson, Griffin nunca duvidou de que Theo voltaria para ele quando chegasse a hora certa. Porém, o futuro que ele tanto desejava está despedaçado. Para piorar as coisas, a única pessoa que realmente entende sua tristeza é o Jackson. Mas, não importa o quanto eles conversem e se entendam, a espiral depressiva de Griffin continua. Ele está se perdendo em suas compulsões obsessivas e escolhas destrutivas, e os segredos que ele tem guardado o estão consumindo. Se Griffin pretende reconstruir sua vida, ele precisará visitar e confrontar o que viveu com Theo, história por história.

Já teve resenha desse livro, só clicar aqui. Não sei bem que um triângulo se encaixa, tá mais para um quarteto. Haha! 




Crepúsculo por Stephenie Meyer | Intrínseca

Quando Isabella Swan se muda para a melancólica cidade de Forks e conhece o misterioso e atraente Edward Cullen, sua vida dá uma guinada emocionante e apavorante. Com corpo de atleta, olhos dourados, vez hipnótica e dons sobrenaturais, Edward é ao mesmo tempo irresistível e impenetrável. Até então, ele tem conseguido ocultar sua verdadeira identidade, mas Bella está decidida a descobrir seu segredo sombrio.

Crepúsculo. Ah, Crepúsculo. Eu li quando tinha 17 anos e amei. Hoje sei que não iria gostar tanto assim. Mas quem não lembra do triângulo mais famoso da história? Jacob/Bella/Edward. Viu? Não precisei nem pesquisar os nomes deles na internet. Kkkk. 




Trilogia Amor & Mentiras por Tarryn Ficher | Faro Editorial 

Se você não leu, já pode colocar na listinha. Pela capa já dá pra ver que a situação é tensa. Cada um tem seu livro e sua versão da história. Ninguém aqui é santo. Leah/Drake/Olivia! Meu Deus, que história. Palmas para a autora!




F*ck Love por Tarryn Ficher | Faro Editorial

Helena Conway se apaixonou. Contra sua vontade. Perdidamente. Mas não sem motivo. Kit Isley é o oposto dela desencanado, espontâneo, alguém diferente de todos os homens que conheceu. Ele parece o seu complemento. Poderia ser tão perfeito... se Kit não fosse o namorado da sua melhor amiga. 
Aqui é babado, gente. A mesma autora da Trilogia Amor & Mentiras escreveu F*ck love, que também tem um triângulo dramático. Imagina se apaixonar pelo namorado da melhor amiga? Tenso! Também fiz resenha, só clicar aqui.





Talvez um Dia por Colleen Hoover | Galera Record

Sydney acabou de completar 22 anos e já fez algo inédito em sua vida: socou a cara da ex- melhor amiga. Até hoje, ela não podia reclamar da vida. Um namorado atencioso, uma melhor amiga com quem dividia o apartamento... Tudo bem, até Sydney descobrir que as duas pessoas em quem mais confiava se pegavam quando ela não estava por perto. Até que foi um soco merecido. Sydney encontra abrigo na casa de Ridge. Um músico cujo talento ela vinha admirando há um tempo. Juntos, os dois descobrem um entrosamento fora do comum para compor e uma atração que só cresce com o tempo. O problema é que Ridge tem uma namorada, e a última coisa que Sydney precisa agora é se transformar numa traidora.

Gosta de drama? Muito drama? Um dramalhão da p***? Leia esse livro. Eu simplesmente amei essa história e o triângulo amoroso acabou cimentando esse amor todo. Adoro uma sofrência. Resenha aqui.

4 de dezembro de 2017

#RESENHA - Confesse por Colleen Hoover

Título: Confesse
Autora: Colleen Hoover
Editora: Galera Record
Páginas: 320
Idioma: Português
Ano de Lançamento: 2017
Gênero: Romance/Jovem Adulto
Skoob || Goodreads


Livro cedido em parceria pela editora

Compre aqui: Amazon | Submarino

SINOPSE: Um romance sobre arriscar tudo pelo amor — e sobre encontrar seu coração entre a verdade e a mentira. Da autora das séries Slammed e Hopeless.
Auburn Reed perdeu tudo que era importante para ela. Na luta para reconstruir a vida destruída, ela se mantém focada em seus objetivos e não pode cometer nenhum erro. Mas ao entrar num estúdio de arte em Dallas à procura de emprego, Auburn não esperava encontrar o enigmático Owen Gentry, que lhe desperta uma intensa atração. Pela primeira vez, Auburn se vê correndo riscos e deixa o coração falar mais alto, até descobrir que Owen está encobrindo um enorme segredo. A importância do passado do artista ameaça acabar com tudo que Auburn mais ama, e a única maneira de reconstituir sua vida é mantendo Owen afastado.


Confesse é um jovem adulto narrado em primeira pessoa por dois personagens: Auburn e Owen. Auburn está sem rumo na vida, sem saber bem o que fazer, apenas que deve arrumar um jeito de conseguir uma grana pra não ser despejada. Já Owen possui um estúdio de artes onde pinta as confissões de centenas de estranhos que deixam seus pensamentos mais íntimos em um papel na sua porta. Ele tem um relacionamento bastante complicado com seu pai que aos poucos vamos entendendo.
Nunca deixo ninguém me ver sem maquiagem. Meu maior medo é como vai ser minha aparência no meu funeral. Tenho quase certeza que serei cremada, porque minhas inseguranças são tão arraigadas que vão me seguir até o além. Obrigada por isso, mãe.
Auburn passa na frente do estúdio de Owen e se depara com um pedido urgente de ajuda para recepcionar os convidados da exposição dele. A química entre os dois é instantânea e Auburn se vê pega entre a vontade de se deixar levar e a responsabilidade e o peso que a vida tem sobre ela.

1 de dezembro de 2017

#RESENHA - Coração e Alma por Maylis de Kerangal

Título: Coração e Alma
Autora: Maylis de Kerangal
Editora: Rádio Londres
Páginas: 240
Idioma: Português
Ano de Lançamento: 2017
Gênero: Ficção/Literatura Francesa
Skoob || Goodreads


Compre aqui: Amazon | Submarino

SINOPSE: Coração e alma é a história de um transplante cardíaco. É um relato de precisão cirúrgica, repleto de personagens inesquecíveis, em que histórias pessoais, diálogos e descrições técnicas se entrelaçam num ritmo frenético, digno de um grande filme de ação. O romance narra as vinte e quatro horas épicas entre um terrível acidente de trânsito ocorrido depois uma sessão de surf cheia de adrenalina — que causa a morte cerebral de um rapaz de 20 anos, Simon — e o instante em que seu coração recomeça a bater no peito de uma parisiense de 50 anos, Claire. Uma viagem emocionante e tocante, um tour de force que manterá o leitor em suspense até a última linha.


Coração e alma vai contar a história de Simon, um jovem no auge de seus 20 anos, aproveitando a vida, surfando, namorando, quando é interrompida em uma acidente de carro e ele acaba tendo morte cerebral. Em contra-partida temos a história da Claire, de 50 anos, que precisa urgentemente de um coração novo.

O livro é pequeno e a história vai girar sobre o tema de transplante de órgãos - desde os pais a aceitarem a retirada dos órgãos de Simon até a aceitação por parte de Claire de viver com o coração de outra pessoa.

Coração e alma tinha tudo para se tornar uma história inesquecível, porém, a escrita logo de início se mostrou altamente confusa. O problema maior que tive com essa leitura foi o tipo de texto que a escrito escolheu, que possui pouquíssimos parágrafos e pontos. Além disso, a narrativa é quase contínua, misturando as falas sem uso de travessão,  me incomodou bastante. O texto inteiro foi quase uma coisa só e meus pensamentos se tornaram um embaraço total.

Assine a Newsletter

LINK ME!

Literatura Estrangeira

Mais Recentes

Literatura Estrangeira - Copyright © 2016 - Todos os Direitos Reservados