HOME

19 de janeiro de 2018

#RESENHA - #1 O Jardim das Borboletas por Dot Hutchison

Título: #1 O Jardim das Borboletas
Autora: Dot Hutchison´
Série: The Collector
Editora: Planeta de Livros
Páginas: 304
Idioma: Português
Ano de Lançamento: 2017
Gênero: Jovem Adulto/Crime

Skoob || Goodreads

Livro cedido em parceria pela editora

Compre aqui: Amazon | Submarino
SINOPSE: Quando a beleza das borboletas encontra os horrores de uma mente doentia. Um thriller arrebatador, fenômeno no mundo inteiro Perto de uma mansão isolada, existia um maravilhoso jardim. Nele, cresciam flores exuberantes, árvores frondosas... e uma coleção de preciosas “borboletas”: jovens mulheres, sequestradas e mantidas em cativeiro por um homem brutal e obsessivo, conhecido apenas como Jardineiro. Cada uma delas passa a ser identificada pelo nome de uma espécie de borboleta, tendo, então, a pele marcada com um complexo desenho correspondente. Quando o jardim é finalmente descoberto, uma das sobreviventes é levada às autoridades, a fim de prestar seu depoimento. A tarefa de juntar as peças desse complexo quebra-cabeça cabe aos agentes do fbi Victor Hanoverian e Brandon Eddinson, nesse que se tornará o mais chocante e perturbador caso de suas vidas. Mas Maya, a enigmática garota responsável por contar essa história, não parece disposta a esclarecer todos os sórdidos detalhes de sua experiência. Em meio a velhos ressentimentos, novos traumas e o terrível relato sobre um homem obcecado pela beleza, os agentes ficam com a sensação de que ela esconde algum grande segredo.


O Jardim de Borboletas vai contar a história de uma série de meninas que são raptadas e trancafiadas no que chamam de O Jardim por um serial killer e estuprador. Narrado em primeira pessoa pela Maya, uma das meninas resgatadas desse horror, acompanhamos a história em forma de lembranças e depoimentos.

Conforme Maya vai narrando toda a história desde os abusos que sofreu quando criança, até o dia que foi libertada do cativeiro, vamos percebendo que sua personalidade é quase indecifrável, o que deixa os detetives de mãos atadas quando ela é a única "falando" sobre o que acontecia dentro do Jardim.

A história é terrível, descrita intimamente pela pessoa que sofreu e viu tantos abusos no decorrer dos anos. Não é uma leitura fácil, mas poderia ter sido mais dinâmica se não fosse a escrita monótona e ouso dizer, ruim, da autora que teve dificuldade de prender a atenção do leitor como um todo e não somente no que de fato acontecia com as meninas lá dentro.

Em algumas partes houve mudanças positivas no enredo e cheguei até a cogitar que haveria uma reviravolta muito instigante vindo por aí e até um final inesperado. Mas infelizmente não foi isso que aconteceu. Apesar de não sabermos aonde a autora iria levar a história de início, em um certo ponto ficou fácil identificar onde ela pararia. 

Fiquei super decepcionada porque a história tinha tudo para ser muito boa, porque o ponto central que foi o Jardim e suas peculiaridades em relação a ele, foi uma ideia legal, mas que infelizmente acabou sendo muito mal desenvolvido. Ah, e O Jardim das Borboletas é o primeiro livro da trilogia chamada The Collector. 

Comente com o Facebook:

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Assine a Newsletter

LINK ME!

Literatura Estrangeira

Mais Recentes

Literatura Estrangeira - Copyright © 2016 - Todos os Direitos Reservados